Terremoto deixa dezenas de mortos e feridos nas Filipinas; ore pelas vítimas

Da Redação

(Atualizada em 15 de outubro, às 23h56) — Um intenso terremoto de 7,1 graus de magnitude atingiu a região central das Filipinas na madrugada desta terça-feira, 15, matando dezenas de pessoas. De acordo com as autoridades locais, mais de 90 pessoas morreram. O epicentro do tremor foi na Ilha de Bohol.

Segundo o superintendente Danilo Constantino, diretor da polícia da região de Visayas Central, a mais atingida pelo terremoto, há mais de 100 feridos em todo o país. O número de vítimas não é definitivo e deve aumentar nas próximas horas.

De acordo com o Conselho Nacional de Gestão e Redução de Desastres, um total de 441.709 famílias foram afetadas pela catástrofe natural. Segundo o Instituto de Vulcanologia e Sismos das Filipinas, o terromoto foi seguido por 241 réplicas de menor intensidade. A mais alta delas chegou a 5,9 graus de magnitude. Apesar dos tremores, por enquanto não há previsão de formação de tsunamis na região.

Além das mortes, o terremoto causou diversos danos materiais na região central do país. O arquipélago das Filipinas fica no Círculo de Fogo do Pacífico, uma cadeia de ilhas que registra uma intensa atividade sísmica e vulcânica.

Súplica a Jesus, o Cristo Ecumênico

A Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo, e seu presidente-pregador, José de Paiva Netto, oram pelas vítimas da tragédia, pedindo as bênçãos de Deus às pessoas que enfrentam esse momento de grande desafio.

Integre essa poderosa corrente de oração por meio da Prece do Pai-Nosso, a Oração Ecumênica de Jesus*:

Pai Nosso, que estais no Céu,
Santificado seja o Vosso Nome.
Venha a nós o Vosso Reino.
Seja feita a Vossa Vontade
Assim na Terra como no Céu.
O pão nosso de cada dia
Dai-nos hoje.
Perdoai nossas ofensas,
Assim como nós perdoarmos
Aos nossos ofensores.
Não nos deixeis cair em tentação,
Mas livrai-nos do mal,
Porque Vosso é o Reino,
E o Poder e a Glória
Para sempre. Amém!
_________________
* Nota de Paiva Netto, presidente-pregador da Religião de Deus: Todos podem rezar o Pai-Nosso. Ele não se encontra adstrito a crença alguma, por ser uma oração universal, consoante o abrangente Espírito do Cristo Ecumênico. Qualquer pessoa, até mesmo ateia (por que não?!), pode proferir suas palavras sem sentir-se constrangida. É o filho que se dirige ao Pai, ou é o Ser Humano a dialogar com a sua elevada condição de criatura vivente. Trata-se da Prece Ecumênica por excelência.