Hora do Ângelus

Da Redação

17/10/2013

Essa cerimônia é uma tradição que remonta aos primórdios da Religião de Deus,do Cristo e do Espírito Santo tendo sido iniciada no rádio pelo Irmão Alziro Zarur, seu saudoso Proclamador.

Momento de grande elevação espiritual, em que todos têm a oportunidade de apresentar seus pedidos de prece e homenagear Maria, Mãe de Jesus, por seu amparo maternal à grande família Humanidade.

Ampliada pelo Presidente-Pregador da Religião Divina, José de Paiva Netto, atualmente essa cerimônia vai ao ar diariamente às 18 horas na Super Rede Boa Vontade de Comunicação (rádio, TV e internet), no Templo da Boa Vontade e nas Igrejas Ecumênicas da Religião de Deus no Brasil e no mundo.

Nas Cruzadas do Novo Mandamento de Jesus, além de escreverem seus nomes no Sagrado Livro de Preces da Religião do Amor Universal, os participantes escrevem pedidos e agradecimentos e depositam-nos na Pia Sagrada e na Hora do Ângelus são elevados ao coração do Provedor Celeste, por intermédio de Maria Santíssima, Mãe de Jesus.

Fluidificação das Águas: Durante a Hora do Ângelus, as Sensitivas Legionárias atuam como instrumentos do Poder de Deus impondo as mãos sobre as águas, para que recebam por seu intermédio os Fluidos Divinos.

As Sete Badaladas da Hora do Ângelus: Sob a forte inspiração da Hora do Ângelus, diante da magnífica vibração de Prece, o povo clama: "Ora vem, meu Pai Celeste, Ora vem, excelsa Luz; ora vem, Divino Mestre; ora vem, Senhor Jesus!" e então soam as sete badaladas sonoras da composição "Jesus já vem!", tocada pela primeira vez durante a inauguração do Templo da Boa Vontade, compondo um extraordinário momento que reafirma a convicção uníssona da Volta Triunfal de Jesus, com Seu Poder e Grande Glória, anunciada em Seu Apocalipse (1:9 a 20). Esse momento retoma as emoções sentidas na inauguração do monumento da Espiritualidade Ecumênica, o Templo da Boa Vontade (desde então o mais visitado de Brasília/DF – Brasil), fundado por Paiva Netto em 21 de outubro de 1989, como marco da promoção da Paz no mundo.